Estudo Revela Que os Smartphones Estão Distraindo os Pais!

Um novo estudo revelou que um terço dos pais distraídos são causados pelos smartphones.

Você consegue acreditar? Eu sinto que nosso blog conta a história de adolescentes da Geração Y que são moldados pela tecnologia de hoje em dia, e pais da Geração X tentando salvar seus filhos das garras robóticas da tecnologia.

Como o mundo dá voltas.

Parece que em alguns casos, são os pais que pecam aqui. Os pais que estão tão imersos em seus smartphones que se tornam negligentes.

Muito disso tem a ver com a pressa que a conectividade traz. Sentimos a necessidade de estarmos conectados com todas as pessoas o tempo todo. Muitas vezes, priorizamos nossa atenção àqueles que estão longe de nós mais do que fazemos com quem está ao nosso lado o tempo todo.

Por exemplo, quando você, como pai ou mãe, senta-se para tomar um café com seus amigos, você se preocupa em checar o telefone para ver se seus filhos precisam de você ao invés de dar atenção aos seus amigos. E então, quando você está com seus filhos, você fica no telefone com os seus amigos.

Viu o dilema?

Os smartphones transformam quem está ausente em mais importante. Isso acontece com pais de crianças pequenas, porque embora seus filhos estejam junto de você o tempo todo, eles podem sentir sua presença física, mas sua presença mental é inexistente.

O mundo em que a comunicação através de mensagens instantâneas no telefone é mais valiosa, conexões cara a cara parecem menos importantes. Como resultado, a parentagem livre de distrações se torna quase impossível.

Para ter uma boa visão do que as crianças pensam sobre seus pais passarem muito tempo no telefone, aqui está um infográfico da AVG:

infographic_digital_diaries_global_2015_v6-700x1431

Agora, um novo estudo revelou que quando os filhos competem com os smartphones pela atenção de seus pais, isso pode afetar o desenvolvimento de seu cérebro, principalmente nas áreas de prazer. Filhos de pais distraídos têm dificuldades com seu desenvolvimento emocional quando os pais falham em demonstrar padrões de cuidados consistentes; mesmo quando eles possuem todo o conforto. Ter uma casa confortável com comida e abrigo não é o suficiente. Padrões consistentes de parentagem, que incluem cuidado, ligação e carinho com os filhos são tão importantes quanto. Não se trata da quantidade de tempo que você passa com seus filhos. Se trata da consistência do tempo que você passa com eles.

A parentagem distraída têm demonstrado grandes consequências. Quem iria imaginar que os pais são iguais aos filhos quando se trata de seus smartphones.

Então, enquanto eu ofereço conselhos sobre como gerenciar o vício de seus filhos em smartphones, pode ser bom aplicar alguns desses conselhos a você. Não permita que seus filhos sejam roubados de um desenvolvimento emocional saudável pelo simples fato de que seus pais não conseguem largar seus telefones e oferecer a atenção que eles merecem.

Facebooktwitterredditpinterestlinkedinmail